Andar por Roma é como estar dentro de um filme histórico. Lá você encontra muitos lugares importantes e tomado por memórias, por isso a cidade é um prato cheio para quem ama aprender um pouco mais sobre o mundo. Eu e o Paulo adoramos ler sobre nosso destino antes da viagem, por isso já estamos ainda mais encantados com a cidade.

Além de galerias de arte super significativas e bem conceituadas, os pontos turísticos de Roma também são muito interessantes. Vocês já devem saber que nós não somos muito fãs dos pontos clássicos que todos os turistas visitam, mas se tratando da capital italiana fica difícil não conhecê-los. Os lugares são tão lindos e grandiosos que é impossível não se apaixonar. Cada cantinho é charmoso e tem alguma característica (ou história) incrível. Depois de muito pesquisar, descobri quais são os 10 locais turísticos mais lindos da cidade e claro que vim compartilhar com vocês!

Coliseu 

Foto: Alexis Boley

Acho praticamente impossível você nunca ter ouvido falar do Coliseu, né? As ruínas que sobraram desse enorme anfiteatro são restauradas constantemente para que ele continue preservado. O espaço foi construído entre 72 d.C. e finalizado em 80 d.C., ou seja, demorou um bom tempo para que ele ficasse da forma como o imperador romano Flávio Vespasiano tinha planejado.

O Coliseu é, não só uma das atrações turísticas mais conhecidas da Roma, como também uma das construções romanas mais importantes. O local foi construído com a intenção de entreter o povo e, até hoje, ele continua exercendo essa função só que de uma forma diferente da imaginada inicialmente – ainda bem!

Basílica de São Pedro 

Foto: Belle Italy

Não é novidade para ninguém o quanto o Vaticano é um lugar bonito. A Basílica de São Pedro fica nessa região, localizada dentro de Roma. A construção dessa basílica histórica foi iniciada em 1506, mas só ficou pronta mais de 100 anos depois, em 1615. O prédio é basicamente um museu, principalmente por causa das pinturas e esculturas de Michelangelo e Bernini.

Para entrar na basílica você irá passar por duas revistas feitas por detectores de metal: a primeira na Praça São Pedro e a segunda para entrar na igreja em si. Eles fazem esse esquema porque precisam manter a área segura e evitar ataques terroristas. Você pode até se sentir mais seguro na área, já que a segurança é bem reforçada.

Panteão 

Foto: Les Éclaireuses

O Panteão é uma das construções da Roma Antiga mais bem conservadas. Ele já passou por várias restaurações, mas sua essência nunca mudou. O lugar, construído para homenagear deuses romanos, já tem mais de 2 mil anos e ainda sim continua sendo maravilhoso e surpreendente.

Uma das coisas mais lindas de lá, além da arquitetura, é a iluminação de luz natural, que entra por um óculo que fica no centro da cúpula. Atualmente, dentro do Panteão você vai encontrar várias obras de arte e também tumbas de reis da Itália e outras pessoas conhecidas, como o pintor e arquiteto Rafael.

Fontana di Trevi 

Foto: Elizabeth McBride via Pinterest

Como o próprio nome já diz, a Fontana di Trevi é uma fonte e é um dos pontos mais famosos da cidade. A localização dessa obra barroca sinaliza o término do aqueduto Acqua Vergine, que tem esse nome pois os romanos acreditavam que essa era a melhor fonte de água da cidade. Preste atenção em todos os detalhes das esculturas e da forma como a fonte foi planejada – é um projeto lindo!

É nessa fonte que milhares de pessoas diariamente jogam moedinhas para fazerem pedidos. De acordo com as lendas, se você jogar uma moeda você voltará à Roma. Caso você jogue duas ou mais, o mito diz que você encontrará o amor da sua vida. Vale a pena tentar, né? 

Aah, uma dica para evitar filas enormes que são constantes em alta temporada, é visitar a região a noite. Apesar das fotos não ficarem tão incríveis, a área é bem mais sossegada e a iluminação é linda.

Museus Vaticanos 

Foto: Malissa and Machelle via Pinterest

Já imaginou visitar vários museus em um único espaço e em menos de um dia? É possível fazer isso em Roma, com os Museus Vaticanos! Ele tem esse nome justamente por ser um conglomerado de museus, todos eles com um acervo maravilhoso, recheados de obras muuito famosas. Algumas das áreas mais visitadas são a Capela Sistina e as Salas de Rafael.

Quem curte arte vai se sentir no paraíso, juro! São tantos detalhes e informações nas pinturas, esculturas e arquitetura do espaço que ficamos até mesmo perdidos em meio a tudo isso. Não vou citar o nome de todos os museus porque são muitos, mas quem tiver interesse em comprar ingressos para conhecê-los melhor é só clicar aqui.

OBS: não vá para o Vaticano de short, bermuda, saia ou vestido curto e até mesmo blusas sem mangas. Melhor seguir as regras do que perder o passeio, né? 

Fórum Romano 

Foto: Carmen via Pinterest

O Fórum Romano é o lugar perfeito para entendermos a grandeza do Império Romano. O local, que fica entre as colinas de Palatino e Capitolino, era uma das principais áreas da Roma Antiga. Lá as pessoas se encontravam para discutir ideias e também muitos assuntos políticos.

O que sobrou do Fórum foram algumas ruínas, mas elas nos dão uma ótima noção de como era o espaço. Entrar nesse lugar é como estar dentro de uma parte da história, quase uma viagem no tempo! É muito legal pensar que construções tão antigas são mantidas até hoje. E a experiência é ainda melhor quando visitamos locais que estudamos tanto nos tempos de colégio e nos livros de história.

Praça Navona

Foto: Nomadic Habit

Essa é uma das praças mais lindas de Roma e uma das coisas que mais chama a atenção em relação à ela são suas três fontes. O lugar é super movimentado e lá ficam vários artistas de rua, portanto é uma boa oportunidade para valorizarmos um pouco esse tipo de cultura em uma cidade com tantos museus, pinturas e esculturas famosas mundialmente.

Uma das fontes, chamada Fontana dei Quattro Fiumi, foi feita por Bernini em 1651. Ela é composta por quatro estátuas que representam os rios mais importantes daquela época: o Nilo, o Rio Prata, o Danúbio e o Ganges. Ao longo da viagem vocês irão perceber que arte e história em Roma andam juntas e a cidade é repleta das duas coisas.

Basílica de Santa Maria Maior 

Foto: An American In Rome

Apesar de não ter um estilo arquitetônico definido, a Basilica di Santa Maria Maggiore foi a primeira igreja ocidental dedicada somente a Maria. A basílica já passou por várias restaurações, mas ainda mantém sua estrutura original. O teto do local é cheio de detalhes em ouro, que deixam o espaço ainda mais deslumbrante.

Ela foi construída no século V d.C., por isso tem um estilo mais clássico. Algumas lendas dizem que o papa Libério sonhou que Nossa Senhora pedia para ele construir a basílica no exato local que ela se encontra atualmente. Se isso é verdade eu já não sei, mas que o sonho rendeu uma construção maravilhosa isso ninguém pode negar. 

Castelo de Santo Ângelo 

Foto: @ahmet.erdem

Sou suspeita para falar de mirantes ou lugares altos com vistas incríveis porque esse tipo de passeio é um dos meus preferidos. O Castelo de Santo Ângelo começou a ser construído em 135 a pedido do imperador Adriano, por isso o local também é muito conhecido como o Mausoléu de Adriano.

O castelo é enorme e tem uma estrutura fascinante. O que eu mais gosto, como citei para vocês, é a vista que ele nos proporciona. Do alto do castelo você consegue ver Roma por um ângulo de 360º – é uma vista surreal, principalmente se você visitar o lugar no final da tarde.

Monumento a Vítor Emanuel II

Foto: Lemoni

Por último, mas não menos importante, o Monumento a Vítor Emanuel. Essa enorme construção foi feita em memória ao primeiro rei da Itália unificada, construído em 1885. Ele é um ponto turístico mais novo quando comparado aos outros, mas isso não tira nem um pouco sua importância e beleza.

Além da sua grandiosidade, ele também dá aos turistas a oportunidade de ter uma vista maravilhosa da cidade. Ah, durante a noite, luzes são acessas no monumento e ele fica ainda mais lindo! Como ele é um marco de uma nova fase da Itália, acho muito legal visitá-lo 😉

***

Acho importante lembrar vocês que todos esses lugares são super movimentados, por isso a possibilidade de você pegar filas grandes em alguns deles é alta. Então já vá preparado, ok? Estou muito ansiosa para ver pessoalmente alguns desses lugares, afinal, beleza não falta!