Assim como Belleville, Le Marais é outro bairro de Paris que merece pelo menos uma visita. Ele é super charmoso, com ruas lindas e muitas lojas, cafés, galerias de arte e bares. Por ter um comércio bem diversificado, a região é super movimentada e quase sempre você encontrará alguma novidade por lá.

Outro fato interessante sobre a região é que ela é ocupada por uma grande comunidade de judeus, por isso alguns restaurantes são especializados na gastronomia judaica. Como o bairro não é muito grande, é possível conhecer os principais pontos apenas caminhando. Se você pretende conhecer o Le Marais, mas ainda não sabe bem o que visitar, pode ficar tranquilo porque vou contar quais são os lugares imperdíveis do bairro!

Rue des Rosiers

Foto: @oranenony

Uma das ruas mais famosas do Le Marais é a Rue des Rosiers. Nela ficam concentrados restaurantes e cafés com culinária judaica, além de algumas lojas de roupa com um estilo mais vintage. Ah, logo no começo da rua você também pode aproveitar um tempinho para visitar o pequeno jardim da área, chamado Rosiers-Joseph Migneret Garden.

O L’As du Fallafel sempre está entre os restaurantes preferidos de quem vai até essa rua. Há quem diga que eles vendem o melhor falafel de Paris, então o local está sempre cheio. Como o bolinho é feito de grão de bico, até mesmo quem é vegetariano e vegano pode se deliciar com o salgado 😉

Restaurantes

Foto: @jainihs

Não tem nada melhor do que provar pratos diferentes e conhecer restaurantes incríveis quando viajamos, né? O L’As du Fallafel, como já falei para vocês, é um dos destaques da região. Outro local que tem uma comida maravilhosa e uma carta de vinhos melhor ainda é o Le Barav. Recomendo pedir pelo ravioli gratinado ou a sopa do dia!

Para tomar um café ou comer alguma sobremesa, os dois melhores lugares do Le Marais são o Breizh Café e o La Caféothèque.  O primeiro deles serve crepes deliciosos e com diversas opções de recheios, enquanto o outro é mais procurado por quem quer um croissant ou algum salgado de massa folhada.

Museus e galerias de arte

Foto: @asa_mattina

O que não falta em Paris são museus e galerias de arte. É como se todo bairro da cidade tivesse algum cantinho escondido voltado para alguma dessas duas coisas. No Le Marais, por exemplo, fica localizado o Musée National Picasso. O espaço do museu ocupa o Hôtel Salé, que é uma construção do século 17. Lá você não encontrará as obras mais famosas de Picasso e é, obviamente, um ponto de parada obrigatório para quem ama arte.

A Galerie Perrotin também é outro local incrível para quem curte arte. As exibições são focadas em arte contemporânea e mudam regularmente, por isso não deixe de entrar no site da galeria para dar uma olhada no que estará sendo exposto quando você estiver por lá.

Foto: @callicles via Condé Nast Traveler

Se você é do tipo que adora museu, existem duas ótimas opções pela região para adicionar ao seu roteiro. O primeiro deles é o Musée Cognacq-Jay, que fica em uma mansão privada e é o paraíso para quem curte ver móveis, quadros e objetos antigos. Já o The Musée des Arts et Métiers é voltado para ciência e tecnologia, com acervo super variado de máquinas, moldes de meios de transporte e outras invenções que foram importantes ao longo da história.

Jardins

Foto: @muzbianca

Além do Rosiers-Joseph Migneret Garden, outras áreas verdes do bairro também merecem uma visita. O Place des Vosges é um parque bem conhecido de Paris, principalmente por causa dos jardins impecáveis e da beleza arquitetônica das construções ao redor dele.

Uma opção menos movimentada e ideal para quem quer descansar em um lugar mais tranquilo é o Jardin Anne Frank. Ele tem vários banquinhos e um tipo de túnel que forma um cenário lindo para fotos!

Lojas

Foto: @constance_tuset

Não poderia deixar de lado algumas lojas para as comprinhas, não é mesmo? Tem muitas lojas legais por lá, mas selecionei três locais que você não pode deixar de ir. A Fleux’ é, sem dúvidas, a minha preferida do bairro. Ela é voltada para artigos domésticos e vários dos meus utensílios e acessórios de cozinhas que aparecem nos vídeos foram comprados lá.

A Merci segue mais ou menos o mesmo estilo da Fleux’, mas ela também possui uma parte da loja voltada para roupas e acessórios femininos e masculinos. Por último, mas não menos importante, A Kilo Shop. O lugar é o sonho de quem ama um bom brechó e adora garimpar para achar peças diferentes por um preço mais em conta.

***

Dá para passar pelo menos um dia conhecendo o Le Marais. Por mais que você não tenha tempo para passear por todo o bairro, faça uma pré-seleção dos lugares que mais quer conhecer. Desse modo, você já se programa direitinho e evita esquecer algum ponto que gostaria de ter ido 😉 Juro que vale a visita!