Economizar nunca é demais! Essa necessidade aumenta ainda mais quando estamos em um país diferente e a moeda dele é mais valorizada do que a nossa. Coisas baratas acabam se tornando mais caras, por isso é sempre bom mesclar o roteiro com passeios pagos e outros gratuitos, né?

No caso de Lisboa, por exemplo, boa parte dos pontos turísticos é paga. Por esse motivo, é importante já se planejar antes e dar uma pesquisada em algumas atividades grátis. Pensando nisso, já estamos fazendo uma lista com alguns lugares legais para ir e vou compartilhar com vocês os que selecionamos até agora 😉

Panorâmico de Monsanto

Foto: John Sting

Eu e o Paulo adoramos vistas panorâmicas, dessas que você consegue ver pelo menos parte da cidade, sabe? O Miradouro Panorâmico de Monsanto é gratuito e tem uma vista de 360º para a cidade. Ele ocupa um espaço que era antes um antigo prédio comercial, mas que tinha sido abandonado.

Algumas pessoas chegaram a fazer alguns grafites e pichações dentro do local, por isso ele tem uma carinha mais urbana e rústica. Acredito que poucos turistas conheçam esse mirante, então não deixe de aproveitar essa dica e já anote o nome desse cantinho tão especial.

Jardim da Tapada das Necessidades

Foto: @daniel.ag.dealmeida

Outro lugar que também não costuma fazer parte do roteiro de boa parte dos turistas, principalmente aqueles que estão indo para Lisboa pela primeira vez, é o Jardim da Tapada das Necessidades. Ele fica entre Alcântara e a Lapa, e é um espaço super tranquilo para passar uma tarde ou uma manhã bem agradável.

Um dos destaques do jardim é sua estufa circular e, dependendo de onde você estiver, a vista para a Ponte 25 de Abril. Os lagos parecem um pouco abandonados, mas ainda sim deixam a paisagem linda. Não deixe de dar uma passadinha também pelo Jardim dos Cactos!

Miradouro Nossa Senhora do Monte

Foto: @michaelvos_

Mais um mirante incrível, porque paisagens incríveis são sempre bem-vindas. Um dos pontos mais clássicos para quem quer ter uma vista inesquecível de Lisboa é o Miradouro Nossa Senhora do Monte. E, para a nossa felicidade, a entrada nele é gratuita todos os dias da semana.

A paisagem dele é super completa, sendo que você terá visão até mesmo do Castelo de São Jorge e da Ponte 25 de Abril. Quer uma dica ainda melhor? Tente se programar para conhecer o local ao entardecer. O pôr do sol visto desse ponto da cidade é surreal.

Parque Eduardo VII

Foto: @filippavitorino

Mais um parque imperdível na cidade é o Eduardo VII. Ele lembra um pouco os jardins tipicamente franceses e é super bem conservado, com flores de diversos lugares do mundo. Além disso, ele é um dos maiores e mais belos parques de Lisboa. Para chegar ao local é bem simples, já que duas estações de metrô ficam super próximas dele: a Marquês de Pombal e a Parque 🙂

Estufa Fria de Lisboa

Foto: @renatacoradoo

Aproveite o passeio pelo Parque Eduardo VII para dar conhecer a Estufa Fria de Lisboa, que fica dentro do parque. A entrada ao local é gratuita para pessoas que tenham o Lisboa Card ou aos domingos e feriados até às 14h. Os outros dias da semana cobram uma pequena taxa de 3,10€, então aproveite os dias gratuitos!

A estufa tem a temperatura controlada de forma natural e conta com espécies de plantas de todo o mundo. Além de ser um passeio muito interessante, o local é um ótimo cenário para fotos, principalmente para quem curte paisagens com naturezas e cores vivas.

Museu do Dinheiro

Foto: TimeOut

Cada nota e moeda contam uma história, certo? Para entender um pouco sobre a origem dessa forma de troca de produtos e serviços, é só ir ao Museu do Dinheiro. Ele explica as origens das primeiras moedas até os dias de hoje. A história das moedas de todo o mundo é contada a todos os visitantes do museu.

Alguns salões são bem tradicionais, com os objetos expostos e pequenas explicações sobre cada um deles. Outros são mais interativos, com grandes telões e a possibilidade de interatividade com o museu e a narrativa que está sendo contada. É uma experiência incrível, principalmente para pessoas curiosas.

Praça do Império

Foto: @glaucorojas2012

Já que estamos falando de tantas áreas verdes, vou falar de mais uma delas! A Praça do Império tem um jardim maravilhoso, com dois lados ainda mais lindos. O jardim tem um estilo greco-romano que o torna ainda mais especial, principalmente por causa do formato do corte da grama e dos pequenos arbustos que compõem a paisagem.

Ah, não posso deixar de falar da localização dele. O jardim fica entre o Mosteiro dos Jerônimos e do Centro Cultural de Belém. Ou seja, você pode separar uma parte do seu dia só para conhecer essa área! A loja Pastéis de Belém também fica bem próxima do local. Dê uma volta pela região e termine o passeio se deliciando com um pastel de nata tipicamente português 🙂

Ribeira das Naus

Foto: @lisagermaneau

Por último, mas não importante, o local perfeito para aproveitar um fim de tarde. O Ribeira das Naus é como um grande calçadão da Avenida Ribeira das Naus, que liga o Cais do Sodré e a Praça do Comércio. Ele fica bem a frente do Rio Tejo, porém mergulhos não são permitidos. O pôr do sol nessa parte da cidade costuma ser sempre lindo, principalmente por causa do rio. Caso você sinta fome ou queria beber alguma coisa é só passar pelo quiosque local!

***

Lisboa é uma cidade com vários lugares lindos e especiais, por isso aproveite cada segundo por lá. Não deixe de adicionar esses e outros passeios gratuitos no seu roteiro, porque eles farão toda a diferença no seu bolso ao final da viagem 😉