casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-doces-casa-mathilde-ickfd

Olá, amores!

Aqui é a Lelê Gianetti do blog It Yourself com mais um post para o ICKFD. Hoje darei uma dica imperdível para quem ama doces portugueses.

Estou falando de um lugar delicioso, tradicional e super fofo: a Casa Mathilde.

casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-site-giuliana-maia-entrada-da-docaria-ickfdFonte: Giuliana Maia

A casa é uma doceria típica que foi fundada em 1850 em Portugal e já ganhou o prêmio de melhor doceria de São Paulo 3 vezes.

Recentemente, inaugurou uma nova unidade no bairro de Moema, na zona sul da capital paulista (sendo que a primeira é no Centro), e fui lá conferir.

casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-site-s3-media3-fl-yelpcdn-infra-estrutura-icasa-mathilde-ickfdFonte: Yelp

O ambiente é amplo, super clean e possui uma decoração muito fofa que mistura elementos modernos com outros mais rústicos, e claro, com os tradicionais azulejos portugueses.

O sistema de serviço do estabelecimento é variado. O cliente pode escolher o que quiser no balcão (todas as opções do cardápio ficam expostas ali) ou sentar nas mesas, verificar o menu e fazer o pedido.

casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-lele-gianetti-logo-casamathilde-entrada-ickfd

Apesar de ser uma doceria, a loja oferece diversas opções de salgados tradicionais, sanduíches e pães diversos.

Já entre os açúcarados, temos bolos, bolos secos, biscoitos, sorvetes e os conventuais (clássicos), além de várias bebidas quentes e frias e refrescos naturais.

casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-alma-paulista-doces-ickfdFonte: Alma Paulista

Conheci a unidade de Moema em um domingo à tarde, acabei optando por sentar e fazer o pedido na mesa, visto que, o balcão estava suuuuper cheio!

Para começar, antes de comer, pedi um Chocolate Quente (R$ 8).

casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-lele-gianetti-chocolate-quente-casa-mathilde-ickfd

casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-foto-lele-gianetti-lele-na-casa-mathilde-docaria-portuguesa-33

Ele é servido numa xícara muito bonitinha, bem a cara daqueles azulejos portugueses que eu mencionei, sabe? Aliás, todos os pratinhos também seguem a mesma identidade visual.

O chocolate deles vem bem quentinho, é delicioso e combina perfeitamente com os doces.

casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-chocolate-quente-e-pastelzinho-2-casa-mathilde-47-ickfd

E já que falei dos doces, o primeiro que pedi foi o Pastel de Nata (R$ 7,80), que trata-se do tradicional Pastel de Belém.

Aqui, estamos falando de um verdadeiro ícone da culinária portuguesa, talvez o maior clássico da confeitaria deles.

casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-pastelzinho-4-ickfd

casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-pastelzinho-de-belem-ickfd

O Pastel de Nata do local é incrível, certamente o melhor que eu já comi na vida! A massa é perfeita e o recheio então… #yummy

Depois dessa maravilha, o meu próximo pedido foi a Queijada da Mathilde  (R$ 8,50).

casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-pastelzinho-3-ickfd

Este doce é mais uma tradição portuguesa e leva amêndoas na receita.

A Queijada é muito boa, mas já não impressionou tanto quanto o Pastel de Nata!

casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-pastelzinho-de-nata-ickfd

Por último, resolvi provar o Mimo de Pena (R$ 8,30), que é uma espécie de quindim.

A base desta sobremesa é feita de coco, creme de ovo e também uma cerejinha.

casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-foto-lele-gianetti-casa-mathilde-docaria-portuguesa-moema-1-1

Gente, esse docinho também é muito bom e é muito parecido com quindim, que eu amo, mas o deles é muito suave. Nota-se que sabem muito bem como fazer doces com ovos!

Enfim, simplesmente ameeeei conhecer a Casa Mathilde e, com certeza, foi apenas a primeira de muitas visitas que farei lá. Isto pois, o cardápio deles é super extenso e pretendo provar tudo! #lelegordinha

casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-lele-gianetti-quindim-38

casa-mathilde-e-a-tradicao-portuguesa-pastelzinho-de-belem-e-chocolate-quente-ickfd

A unidade que fui conhecer fica localizada na Av. Ibirapuera, 2082 em Moema e  suuuuuper recomendo para todo mundo que, assim como eu, é apaixonado por doces!

Boas gordices para todos nós, o pá! hihihi

Beijinhos,

Lelê Gianetti