a-inovadora-cozinha-3d-the-food-rush-prato-food-ink-ickfdFonte: The Food Rush 

A arquitetura e o design atual utilizam impressoras que podem criar maquetes e outros objetos em segundos. Mas você já imaginou comer pratos feitos com impressoras 3D? Parece surreal, mas é a realidade no Food Ink, o primeiro restaurante a ter um menu inteiro impresso em 3D!

E a inovação não para por aí, o restaurante diferente dos outros, é móvel e já viajou pela Espanha, Holanda e para o Reino Unido.

A impressora fabricada pela companhia holandesa byFlow cria pratos doces e salgados como: homus, pizza, purê de pera, queijo de cabra e mousse de chocolate. Os pratos utilizam ingredientes frescos e alguns são preparados com técnicas da gastronomia molecular. Além disso, a máquina processa alimentos somente na forma pastosa. A pasta pode ser colocada no extrusor do aparelho para criar esculturas comestíveis.

A-inovadora-cozinha-3d-the-food-rush-peixe-e-batatas-ickfdFonte: The Food Rush

Objetos como as cadeiras, lâmpadas, e os utensílios também foram criados usando a tecnologia. E ainda, para aumentar a experiência tecnológica dos clientes o restaurante dispõe de óculos com realidade virtual e músicas ambientes compostas por um computador.

A-inovadora-cozinha-3d-the-caterer-blog-food-ink-ickfdFonte: The Caterer Blog

A proposta dos criadores, todos arquitetos, designers e engenheiros, é alimentar a discussão da importância de novas tecnologias mudando nossos hábitos alimentares e culturais.  E como será o futuro da alimentação, nutrição e saúde.

A ideia do Food Ink é o início de um futuro imprevisível para a culinária moderna, contudo, o jantar com todo esse aparato pode custar £250 por pessoa, o que torna essa experiência um pouco salgada para o freguês.

A-inovadora-cozinha-3d-time-out-garcom-pratos-food-ink-ickfdFonte: Time Out