Don e Bo-boy são meus dois cachorros. Eles são bulldogs franceses e vieram direto de Paris para São Paulo comigo. O Don é um cachorro super calmo e carinhoso, adora um colo e uma manha. Não dorme se eu não colocar o paninho dele do meu lado e fizer um pouco de carinho da cabeça. Passa o dia todo no meu pé. Se eu estou sentada, lá está ele no meu pé. Eu levantei, lá vai ele atrás de mim. É o típico filhinho de mamãe. Já o Bo-boy é o galã da casa. Ele pensa ser o líder da matilha. Adora brincar de bola. Quer dizer, a gente joga a bola uma vez e se ele pega não larga mais. Mas é bem treinado, sabe ficar, deitar e pular. E adora brincar de ser treinado. Os dois são bem diferentes um do outro em personalidade.

doguinhos1

Um é independente e astuto e o outro é educado e filhinho de mamãe. Mas se tem uma coisa que os dois amam é passear na rua. É só pegar a coleira que os dois já estão na porta prontos para ir passear. Eu dou um comando de “fica”, e pronto. Os dois ficam paradinhos para eu colocar a coleira neles.

doguinhos3

Eu já tive um bulldog inglês e ele odiava passear, não andava nem uma quadra. Já esses dois, mesmo morrendo de tanto andar, continuam e não querem parar nunca.

Sem contar que eles são muito companheirinhos, um sempre vai do ladinho do outro e em marcha sem parar. Eles também amam quando a gente leva para jogar bola na praça Roosevelt. Podemos ficar horas lá com os dois jogando bolinha e eles trazendo para nós.

doguinhos2

E agora, com o presente que eu ganhei da Brastemp e de Finish, uma lava louça linda que me deu muito mais tempo para eu poder passear com os meus filhotes, tudo ficou ainda mais fácil.

Antes só conseguia sair com eles por meia horinha no máximo, a não ser nos finais de semana. Agora passo mais de uma hora e meia com eles na rua e os dois amam. Chegam em casa e capotam, de tão cansados e felizes. Estou adorando ver os dois mais saudáveis e brincalhões por causa dos passeios.

doguinhos4