(CRÔ)NICA DES(CRÔ)NEXA

Um dia desses, estava sozinha em casa e um silêncio incômodo atormentou minha madrugada. No escuro, muito se ouve! Eu forçava a testa para entender os gritos que vinham da cozinha, eram gritos pavorosos. Comecei a andar pela casa e percebi que os gritos vinham de dentro do armário da cozinha. Me aproximei e abri … Continue lendo (CRÔ)NICA DES(CRÔ)NEXA