Por causa de sua localização, que fica entre o ocidente e o oriente, Istambul é uma das cidades mais ricas no quesito cultural. Além da mistura incrível de tradições, o local possui paisagens encantadoras e pontos turísticos super interessantes. Quem curte arquitetura e história vai amar conhecer a cidade, principalmente por causa da arquitetura e dos monumentos bizantinos.

Para ajudar quem estiver preparando um roteiro pela cidade, fiz essa listinha com alguns dos principais passeios pela cidade. Caso você tenha poucos dias por lá, faça uma seleção dos principais pontos turísticos e escolha aqueles que mais te agradam 😉

Mesquita Azul

Foto: @vi66nya

Para conhecer a Mesquita Azul, você precisará seguir algumas regras que também são válidas para as outras mesquitas. Mulheres devem cobrir o cabelo com um lenço e não podem estar com os ombros à mostra, nem com saia e short curtos. No caso dos homens, a regra do ombro e da bermuda também é válida.

A Mesquita Azul foi construída entre 1609 e 1616, então é um lugar super antigo e histórico. Tanto o exterior como o interior da mesquita são lindos. Dentro do local, as paredes e o teto são detalhados e com vitrais que permitem a entrada de luz natural no ambiente. Em frente à mesquita fica um jardim maravilhoso – um ótimo espaço para tirar fotos!

Basílica de Santa Sofia

Foto: @maria_sklavounou

Logo a frente da Mesquita Azul fica a Basílica de Santa Sofia, que é um dos lugares mais visitados da cidade. Assim como quase todas as construções antigas de Istambul, ela é enorme e cheia de detalhes no interior, como mosaicos super bem trabalhados do período bizantino.

Outro fato que atrai vários turistas para o local é a possibilidade de fazer um pedido. Dentro do local há uma parede com um pequeno furo, onde as pessoas colocam o dedo e pedem a realização de algo que elas queiram. Se esse desejo acontecer, a pessoa deve voltar ao local como agradecimento. Isso é só uma lenda, mas não custa nada tentar, né?

Palácio de Topkapı 

Foto: @2017ugurates

O Palácio de Topkapı é um dos principais símbolos do Império Otomano, construído em 1465. É até difícil de imaginar como uma construção tão antiga continua conservada até hoje. O espaço é cheio de salões enormes, decorados com muito ouro e vitrais e azulejos desenhados.

Por ter virado um museu, no local você encontrará várias relíquias de arte islâmica. Os pátios e jardins também são encantadores e super floridos. Quem curte essa mistura entre paisagismo e arquitetura antiga não pode deixar o Palácio de Topkapı de fora do roteiro. Eu fiquei encantada por esse lugar e poderia passar um dia inteiro nele, conhecendo cada cantinho.

Cisterna da Basílica 

Foto: @turkey_home

A Cisterna da Básílica foi construída para funcionar como um reservatório de água da cidade. No entanto, ela foi desativada e atualmente é aberta a visitação. O ambiente é bem escuro e parece um palácio subterrâneo, cheio de colunas e esculturas decorativas, como uma cabeça da Medusa. É um passeio bem diferente dos outros que você irá fazer pela cidade, por isso acredito que vale a pena dar uma passadinha pelo local!

Mesquita Süleymaniye 

Foto: Mine Pirem via Pinterest

Eu e o Paulo não tivemos tempo de visitar a Mesquita Süleymaniye, mas ela é considerada uma das mais impressionantes da cidade. A estrutura dela é incrível, com uma cúpula enorme ao centro e outras menores ao redor.

Assim como as outras mesquitas, ela é rica em detalhes nos vitrais e azulejos, chegando a ser tão linda quanto a Mesquita Azul. Apesar do local receber turistas, ainda acontecem orações por lá. Você terá que esperar pelo fim de cada oração, ou dar uma olhadinha nos horários de cultos antes de ir até o lugar.

Mesquita de Ortaöy 

Foto: @patrickcolpron

A Mesquita de Ortaöy foi, com toda certeza, um dos meus lugares preferidos da viagem. O ambiente é todo iluminado e é como se te desse uma sensação de paz, sabe? Toda a decoração do espaço me deixou apaixonada. Por não ser um local tão turístico, tinha bastante movimento de moradores , principalmente, muçulmanos. Aproveite para caminhar pela região – o bairro é uma graça e com vários cafés, restaurantes e lojinhas.

Torre de Gálata 

Foto: Hacer via Pinterest

Quem ama vistas panorâmicas da cidade não pode deixar de ir até a Torre de Gálata. A entrada é paga e custa em torno de 25 liras turcas. Por ser um ponto muito famoso na cidade, as filas são grandes e o tempo de espera pode ser desanimador.

Minha dica é que você vá para o local cedinho, assim curte o passeio sem perder muito tempo e acaba tendo algumas horas para conhecer a área. Há um restaurante dentro da própria torre, mas ele é bem caro e turistão. Como a região é bem movimentada, você logo encontrará bons lugares para parar.   

Palácio Dolmabahçe

Foto: @ofleatherandlace

O Palácio Dolmabahce é tão grandioso e luxuoso que é até mesmo comparado com o Palácio de Versalhes. A arquitetura dele é maravilhosa e o interior tem muito ouro, lustres de cristal e outros itens de decoração sofisticados e maravilhosos.

Reserve pelo menos metade do seu dia para conhecer todo o complexo, porque ele tem 43 salões e mais de 250 quartos – além dos jardins super bem cuidados. Se quiser saber mais sobre como visitar o palácio, é só clicar aqui.

***

Istambul é uma cidade deslumbrante e os pontos turísticos me deixaram ainda mais encantada com o local. Eu e o Paulo compartilhamos mais da nossa experiência por lá nos vlogs que estão no canal. Não deixe de assistir para ver melhor o que contei por aqui 😉