No reino dos ingredientes da confeitaria, o chocolate está sempre no trono. Por mais que algumas pessoas não gostem, ele é adorado pela maioria. Afinal, como não amar um produto versátil e delicioso?

Como vocês já sabem, existem variados tipos de chocolate. Ao leite, amargo, meio amargo, branco… E por aí vai. Cada tipo tem uma função diferente dentro das receitas, por isso é essencial saber quando e como utilizá-los. Considerando que todos eles possuem muitas particularidades e características específicas, vamos falar somente sobre o chocolate branco por agora!

Primeiro de tudo, é importante destacar que nem todo mundo considera ele como um verdadeiro chocolate. Alguém aí sabe ou imagina o porquê?

Aqui está a revelação para quem não tem ideia: o chocolate branco é composto por manteiga de cacau, e não a massa de cacau em si – como acontece com os outros chocolates.

chocolate branco
Foto: Sally’s Baking Addiction

Então, para definir formalmente o que seria considerado chocolate branco, foi decidido pela Food and Drugs Administration que ele deveria conter no mínimo 20% de manteiga de cacau e 14% de sólidos de leite. Sendo assim, os chocolates desse tipo são feitos basicamente por manteiga de cacau, leite, açúcar e baunilha.

Mesmo não sendo considerado um chocolate por muitos, nosso amor por ele não diminui nem um pouquinho. Até porque, ele é um ótimo ingrediente para ser usado em receitas que pedem por um creme mais neutro, como em sobremesas com frutas.

Aqui no site, por exemplo, vocês encontram doces incríveis como a torta mousse 4 chocolates e o bolo mousse de chocolate branco 😉